sexta-feira, 24 de julho de 2015

Auxílios Já!

A SITUAÇÃO ESTÁ FICANDO INSUSTENTÁVEL!


VÁRIAS CATEGORIAS DO ESTADO RECEBEM AUXÍLIO TRANSPORTE, EDUCAÇÃO, SAÚDE, ALIMENTAÇÃO E REFEIÇÃO.

OS COLEGAS AUDITORES FISCAIS RECEBEM AUXÍLIO DESDE O INÍCIO DE 2014.

PARABÉNS AS CATEGORIAS QUE CONQUISTARAM OS AUXÍLIOS!
MAS PORQUE OS ANALISTAS NÃO RECEBEM?

SOMOS SERVIDORES, SERES HUMANOS E TAMBÉM TEMOS AS MESMAS DESPESAS DE TRANSPORTE, ALIMENTAÇÃO, SAÚDE, EDUCAÇÃO COMO QUALQUER OUTRO TRABALHADOR.

ESSA SITUAÇÃO É DISCRIMINATÓRIA, INJUSTA, FERE OS PRINCÍPIOS DA ISONOMIA E QUALQUER REGRA BÁSICA DE GESTÃO DE PESSOAS.

A JUSTIFICATIVA DE QUE NÃO HÁ RECURSOS, SÓ SERVE PARA A NOSSA CATEGORIA?


JÁ TEMOS A PIOR REMUNERAÇÃO DA SEFAZ DENTRE AS CARREIRAS DE NÍVEL SUPERIOR.


SR. SECRETÁRIO JÚLIO BUENO, O SENHOR TEM A OPORTUNIDADE DE CORRIGIR UMA INJUSTIÇA ANTIGA E MARCAR SEU NOME NA HISTÓRIA DA SEFAZ.


CONTAMOS COM O SENHOR E AGUARDAMOS SEU RETORNO PARA APRESENTARMOS A NOSSA PROPOSTA.


16 comentários:

  1. Já to p... há mto tempo com isso. Pra quem lembra foi "prometido" pelo Vilela o aux até o fim do ano passado via processo administrativo. E aí? Até hoje nem sombra disso.

    ResponderExcluir
  2. É um absurdo! Nosso salário é muito menor e nós não merecemos? Essa justificativa de não ter verba só vale pra gente!

    ResponderExcluir
  3. O Secretário vai enrolar a gente até quando?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Enquanto for conveniente vai ficar na msm...

      Excluir
  4. É isso mesmo! O Estado deveria valorizar a mão de obra qualificada que carrega o operacional da fazenda nas costas! Somos quem de fato aumenta a arrecadação do Estado. Imaginem o impacto negativo nos cofres do governo sem o empenho no trabalho de nós analistas! Sem andamento de parcelamentos, autos de infração, análise cadastral...
    Nossa remuneração é uma das menores dos cargos equivalentes dos estados. É menor que a do cargo de nível médio da Fazenda municipal do Rio.
    Outros cargos recebem várias vantagens e para nós a situação está crítica... Nem a atualização recebemos.
    Apoio total à ANAFERJ!!!

    ResponderExcluir
  5. Isso é um absurdo! Quem ganha mais recebe auxílio e quem ganha menos não recebe nada! Eles deveriam ter vergonha de massacrar a gente! PARALISAÇÃO JÁ. SE A GENTE PARALISAR UM DIA, ELES VÃO SENTIR A DIFERENÇA!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Este comentário foi removido pelo autor.

      Excluir
  6. Absurdo total!!!Nunca vi um órgão ou empresa no qual uma categoria ganha auxilio alimentação e vale transporte e outra não!!O pior é que a categoria que ganha menos(apesar de igualmente ter nível superior) é que não ganha auxilio alimentação nem vale transporte).Cabe uma denuncia ao Ministério Publico por descumprimento de Principio Fundamental?Rasgaram a Constituição da Federação aqui,por desrespeito ao Principio da Igualdade Material-Tratar os desiguais de forma desigua(Mais protetiva)l para que iguais se tornem.Aqui se segue o contrario:tratar os desiguais de forma desigual( de forma mais gravosa)para que cada vez mais desiguais se tornem!!

    ResponderExcluir
  7. Respostas
    1. Estávamos agendados com o Secretário hoje, mas ele precisou se ausentar pois precisou acompanhar o governador. Estamos aguardando contato para uma reunião o mais breve possível.

      Excluir
    2. Na torcida...Aproveita e pergunta sobre a PPE..
      A meta está para ser batida no segundo semestre.

      Excluir
  8. TEM QUE TER PARALISAÇÃO!

    ResponderExcluir
  9. Depois de muitas negociações, a ANAFERJ apresentou no dia 4/9, uma terceira proposta, levando em conta as ponderações do Sr. Secretário. Fizemos o estudo de impacto e entregamos com toda argumentação técnica e o ambasamento jurídico. A Bola está com a Administração.

    ResponderExcluir
  10. Pagamos do nosso bolso: Passagem,Almoço,Creche e Plano de Saúde. Absurdo total.......

    ResponderExcluir
  11. Cadê o nosso auxílio? Agora com o parcelamentos e atrasos dos salários, o auxílio é fundamental para que tenhamos condições de ir trabalhar!! Pois como iremos tirar do nosso salário alimentação e transporte se não estamos recebendo o salário?

    ResponderExcluir